Perfil de empreendedor: conheça os diferentes tipos e descubra o seu!

Institucional
Publicada em 14/12/2018 - Fonte: Serasa Empreendedor
perfil empreendedor

Você sonha em um dia trabalhar por conta própria ou até já tem um pequeno negócio? Se sua resposta foi sim, é mais que provável que, além de muita coragem e disposição, você também tenha algumas dúvidas sobre como expandir sua atuação. Afinal, nenhum empreendedor nasce sabendo tudo, não é mesmo?

Nesse processo de crescimento, um dos ingredientes mais importantes é o autoconhecimento. Na prática, à medida que você descobre suas próprias características como líder de um negócio, mais fácil se torna a busca por conhecimento voltado para seu perfil de empreendedor.

E foi pensando justamente nisso que criamos este conteúdo! Aqui, você vai poder conhecer os diferentes tipos de perfil empreendedor para descobrir qual é o seu. Pronto? Então acompanhe!

A importância de conhecer qual é seu perfil

Perfil dos empreendedores - conheça todos eles
Perfil Empreendedor
Quando o assunto é empreendedorismo, as pessoas têm objetivos, prioridades e até modos de trabalhar bem diferentes.

Enquanto alguns donos de negócio querem escalar sua atuação rapidamente, por exemplo, há outros que preferem correr menos riscos, trabalhando para garantir certa receita mensal. Existem aqueles que seguem processos formais, pois são graduados em cursos como Administração, enquanto outros se viram como podem, porque começaram a empreender por pura necessidade.

Definitivamente, não existe um jeito certo e outro errado de fazer as coisas, mas sim maneiras distintas.

O interessante é que, a partir do momento em que você identifica seu perfil, começa a prestar atenção em pontos que antes passavam despercebidos. Assim, fica muito mais fácil compreender os desafios atuais, buscar maneiras de contornar as dificuldades e encontrar oportunidades de melhoria.

Além disso, sabendo onde se encaixa, você para de perder tempo comparando seu negócio com empresas de outros perfis ou mesmo estudando conteúdos que não são voltados para seu tipo de atuação. Esse autoconhecimento permite que você tenha contato com aquilo que realmente faz sentido para seu negócio, maximizando os resultados.

Os diferentes tipos de perfil de empreendedor

Perfil Empreendedor Malabarista
Perfil Empreendedor Malabarista

Malabarista

Porcentagem de incidência: 9% dos mais de 100 mil clientes cadastrados na base da Serasa se enquadram no perfil malabarista.

Principais características

O malabarista é um empreendedor que não planejou ser um empreendedor. Antes de ter o próprio negócio, ele normalmente era funcionário. Há inclusive casos em que o empreendedor herdou a marca de algum familiar, passando a tocar a empresa. Também entram aqui pessoas que perderam o emprego e se tornaram empreendedores para sustentar a família.

Maiores desafios

Quando o empreendedor malabarista decide fazer um negócio, ele aposta em algo diretamente associado ao que domina. Se é uma pessoa que cozinha bem, por exemplo, ela vai produzir alimentos para vender.

Em geral, os assuntos ligados à gestão financeira e à organização do cotidiano são mais comprometidos. O malabarista lida bem com as atividades que envolvem marketing, estratégia, expansão e como melhorar o produto ou serviço. Por outro lado, costuma não ser tão forte em relação à saúde financeira e à organização da empresa.

Dicas de sucesso

É fundamental se manter atualizado e buscar conhecimento para conseguir suprir aqueles pontos em que falta experiência. E sabia que existem plataformas gratuitas e aplicativos que organizam o fluxo de caixa e as entradas e saídas da empresa? É possível buscar essas soluções online de parceiros da Serasa, por exemplo.

Perfil Empreendedor Autônomo
Perfil Empreendedor Autônomo

Autônomo

Porcentagem de incidência: Hoje em dia, esse perfil de empreendedor corresponde à maioria dos donos de negócio cadastrados na Serasa: 43%.

Principais características

O empreendedor autônomo é aquela pessoa cujo principal foco é garantir sua renda fixa mensal. Ele tem um comportamento muito parecido ao de um profissional regido pela CLT.

Muitas vezes, esse empreendedor tem um CNPJ porque precisa emitir nota fiscal, seja atuando como freelancer ou prestando serviço como PJ nas empresas. Entretanto, o autônomo não possui de fato um negócio para tocar no dia a dia. Não tem uma empresa para a qual busca clientes ou faz interação direta com os consumidores.

Nos últimos tempos, houve um aumento de CNPJs no Brasil, já que algumas empresas saíram do modelo CLT, passando a negociar por contrato temporário ou por CNPJ. Nesse contexto, o autônomo é aquela pessoa que presta serviço para 2 ou 3 clientes, garantindo sua renda fixa mensal.

Esse é, portanto, o empreendedor que tem um CNPJ para emitir nota fiscal, mas não necessariamente é um empresário.

Maiores desafios

O maior desafio do autônomo é justamente desenvolver um plano B sempre, além de alguma estratégia de expansão para garantir seus rendimentos. Afinal, a renda fixa pode deixar de existir em algum momento. Quando isso acontece, o empreendedor precisa lidar com o susto de uma queda repentina nos ganhos.

Nesse contexto, o autônomo precisa constantemente buscar uma forma de diversificação, fidelizando as empresas e os parceiros de negócios que ele já tem.

Dicas de sucesso

O ideal é buscar conteúdos sobre como expandir o negócio e como se tornar um profissional liberal com planejamento, estratégia e visão de futuro. Esses aprendizados são fundamentais para o autônomo assegurar uma renda fixa. Em outras palavras: é preciso desenvolver competências que ajudem na organização e na criação de planilhas para montar essa visão de futuro e alavancar a renda.

Como o autônomo normalmente é um profissional que trabalha em casa, ferramentas que auxiliem na gestão do tempo, na organização e no planejamento também são essenciais para o sucesso. Com esses recursos, o empreendedor consegue profissionalizar um pouco mais seu dia a dia de trabalho.

Perfil Empreendedor Realizador
Perfil Empreendedor Realizador

Realizador

Porcentagem de incidência: O perfil realizador corresponde hoje a 20% dos registrados na plataforma Serasa Empreendedor.

Principais características

O realizador é aquele tipo de empreendedor que sempre planejou abrir o negócio que tem hoje. Ele normalmente tem uma ideia única, pela qual desenvolveu um forte apego emocional.

Imaginando que o realizador é dono de um pet shop, por exemplo, ele vai querer transformar o seu negócio no melhor pet shop possível, correndo atrás de se tornar referência no meio. Tudo isso justamente por ter um carinho especial pelo empreendimento. O foco desse empreendedor está em crescer e ver seu negócio bem-sucedido.

Maiores desafios

O maior desafio desse perfil está em se diferenciar em relação aos concorrentes. Nesse sentido, ele precisa estar sempre atento ao mercado, aos outros negócios e ao segmento em que atua para conseguir se destacar.

Dicas de sucesso

O primeiro passo é estar sempre atualizado, buscando conteúdos que mostrem indicadores econômicos do seu segmento e boas práticas dos concorrentes. Além disso, é necessário procurar constantemente por formas de se diferenciar e melhorar o negócio. Para expandir e se destacar, ele pode avaliar as possibilidades disponíveis de linhas de crédito.

Perfil Empreendedor Arrojado
Perfil Empreendedor Arrojado

Arrojado

Porcentagem de incidênciaO perfil arrojado corresponde a 28% da base de empreendedores da Serasa.

Principais características

Assim como o realizador, o arrojado é um empresário nato. A diferença é que o empreendedor arrojado não tem apego a nenhuma ideia. Na verdade, o que ele deseja é simplesmente mergulhar em um projeto que traga sucesso e retorno financeiro.

Esse tipo de empreendedor é muito mais ambicioso. Trata-se daquela pessoa que está sempre buscando tendências e oportunidades para ganhar dinheiro.

Quer um exemplo? Mesmo que não entenda nada de tecnologia, se o empreendedor arrojado encontrar uma oportunidade de lançar um aplicativo, ele vai buscar alguém para desenvolver esse app para ele.

Maiores desafios

O principal desafio do empreendedor arrojado é entender que é preciso ter um bom plano estratégico. Por testar muitas ideias (muitas vezes em ramos com os quais não está familiarizado), ele pode levar muitos sustos e ter muitas surpresas, investindo em negócios que nem sempre geram o resultado desejado.

O planejamento aqui é fundamental para o empreendedor fazer uma boa análise estratégica e desenvolver um bom plano de execução.

Dicas de sucesso

Nesse caso, a dica geral é buscar materiais de apoio que ajudem a organizar o planejamento das ideias. O empreendedor arrojado deve buscar ferramentas e planilhas para fazer uma boa análise de forças, fraquezas, oportunidades e ameaças, conseguindo assim determinar o ponto de equilíbrio do negócio. Atualizar-se sobre as últimas tendências do mercado também é importante para se manter sempre um passo à frente.

Agora, depois de descobrir quais são os diferentes tipos de líderes de negócio, aqui vai uma pergunta: você tem certeza sobre qual é o seu perfil de empreendedor?

Como mencionamos no início deste post, conhecer a si mesmo é fundamental para ter sucesso nos empreendimentos. Por isso, não fique na dúvida! Faça já nosso teste para saber oficialmente em qual perfil você se se encaixa!

Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: