Empreender em 2019: veja o que os especialistas esperam para o próximo ano

Mercado
Publicada em 17/12/2018 - Fonte: Serasa Empreendedor

Você sabe quais serão boas áreas para empreender em 2019? Estar sempre ligado ao que há de novo é fundamental para quem deseja abrir um negócio próprio. Como novidades tecnológicas e mudanças de comportamento dos consumidores podem alterar radicalmente o mercado, é quem se prepara que pode se antecipar à concorrência, colhendo bons resultados.

Mas como conseguir reconhecer os novos rumos tomados pelos consumidores? Neste post, vamos explicar as tendências que prometem despontar ou se consolidar no próximo ano. Preparado? Então boa leitura!

Como são apontadas as tendências?

Reconhecer quais são as tendências que vão surgir no mercado é um diferencial importante para o empreendedor que deseja se destacar da concorrência e fazer seu negócio crescer. Para fazer essa previsão com o máximo de acerto, é necessário abrir os horizontes, não ficando restrito apenas à atividade que já desempenha.

As tendências são apontadas a partir de pesquisas realizadas sobretudo por grandes empresas ou por agências. A principal finalidade desse processo é captar as inclinações de comportamento do público e o surgimento de novas tecnologias. As conclusões são sempre repercutidas por veículos especializados e pesquisadores da área.

Nesse sentido, acompanhar as novidades em revistas, canais do YouTube, congressos, treinamentos e outros eventos corporativos é o caminho para quem deseja ficar antenado sobre as novidades do mercado.

Quais são as principais tendências para 2019?

Confira agora a lista de tendências que montamos para quem deseja ter um negócio próprio em 2019!

Franquia

empreendedor escolhendo entre inumeras franquias que temos hoje.
Franquias

A franquia é um modelo de negócio em que uma grande marca cede sua imagem e seu conhecimento para um parceiro a fim de que ele administre uma ou mais unidades comerciais.

Essa opção é muito interessante para quem deseja empreender, mas não tem experiência nem conhecimentos na área de administração. O formato de franquias continua sendo, portanto, uma excelente opção para quem quer empreender em 2019.

Alimentação

Mesmo durante o período de crise econômica pelo qual o Brasil passou, o ramo da alimentação se mostrou uma boa alternativa de investimento. E sim, a área continua sendo uma boa opção para quem deseja empreender em 2019.

Atualmente, as tendências para esse segmento são comidas orgânicas, saudáveis e naturais. Apostar na facilidade de consumo também é um caminho interessante a seguir. Por isso, a modalidade drive thru também está em alta.

SaaS

Sigla para Software as a Service (SaaS), o alcance do SaaS vem aumentando ano a ano. Para 2019, essa tendência deve seguir firme. O conceito abrange a comercialização de softwares não como um produto, mas como um serviço.

O formato normalmente está vinculado a uma assinatura e requer conexão com a internet para a interligação entre a prestadora de serviço e seus clientes.

A grande vantagem do modelo SaaS está no fato de não haver risco de a empresa adquirir um programa caro que, em alguns anos, vai acabar se tornando obsoleto. Como o modelo é de assinatura, tão logo uma nova versão é lançada, é possível fazer a devida atualização.

Experiência do usuário

O objetivo da experiência do usuário ou User Experience (UX), em inglês, é garantir que o contato do cliente com a marca seja o melhor possível. Para isso, essa área se dedica a estudar tecnologias e designs a fim de garantir que os canais de comunicação e outros materiais de apoio estejam alinhados com o propósito da empresa, oferecendo a solução desejada.

Site, blog, apps: garantir a usabilidade e a acessibilidade desses canais é fundamental para reter clientes. Para empreender em 2019, é preciso ter em mente que a preocupação com a qualidade de atendimento ao consumidor é uma tendência cada vez mais consolidada.

Internet das coisas

A internet das coisas ou Internet of Things (IoT), em inglês, promete revolucionar o modo como utilizamos nossos utensílios. O conceito é simples: incluir a web em objetos que usamos no dia a dia.

Seria como se todos os aparelhos funcionassem como nossos celulares. Imagine, por exemplo, uma geladeira que reconhece os itens que estão em falta e cria automaticamente a lista de compras do supermercado.

Nesse sentido, já temos relógios, óculos e videogames capazes de se interligar com a rede e proporcionar novas experiências aos usuários. A tendência, portanto, é que cada vez mais itens comecem a apresentar esse recurso.

Economia compartilhada

O empreendedorismo digital continua em alta. A partir do compartilhamento de serviços ou produtos, geralmente por meio da internet, pessoas oferecem soluções para outras pessoas. Cabe à empresa apenas intermediar essa transação, criando mecanismos que assegurem qualidade e segurança.

Grandes empresas baseadas em economia compartilhada, como os aplicativos Uber (transporte) e AirBnB (hospedagem), comprovaram que esse modelo de negócios veio para ficar. Por isso, essa tendência segue firme para o próximo ano.

Coaching

A atividade de coaching está cada vez mais popular no Brasil. A cada ano, mais pessoas procuram esses profissionais para aprimorar competências e desenvolver novas habilidades corporativas.

Se você é um profissional que possui experiência nas áreas de Psicologia, Administração ou Recursos Humanos, uma boa alternativa para sua carreira pode ser se especializar nesse tema e abrir uma pequena empresa de coaching.

Como escolher as melhores oportunidades?

Agora que você conhece as principais tendências, deve estar se perguntando: qual delas apresenta a melhor oportunidade para você e seu negócio? Antes de mais nada, para escolher o caminho a seguir, você deve avaliar sua afinidade com a tendência e o ramo de atuação em que ela está inserida.

Nesse sentido, não é recomendado ir para o ramo de alta tecnologia, por exemplo, se você tem dificuldades para dominar o funcionamento de novos equipamentos eletrônicos. O mesmo vale para qualquer segmento.

Como você pôde observar, tendências não vão faltar para quem deseja empreender em 2019. A dica é se manter sempre atualizado, a partir da busca por conteúdo de qualidade, como em blogs e periódicos especializados, ou participando de eventos focados na área em que você deseja abrir seu negócio.

E não se esqueça: busque por segmentos com os quais você tenha prazer em trabalhar. Esse cuidado vai tornar sua atividade mais satisfatória e, assim, o sentimento de realização será pleno!

Gostou do conteúdo? Então acesse o nosso site e se cadastre agora mesmo! Temos muitas ferramentas gratuitas desenvolvidas para micro e pequenos empreendedores!

Gostou desse conteúdo?
Compartilhe: